domingo, 24 de julho de 2011

A Celeste volta a brilhar


A América agora é definitivamente azul e branca.Mais carinhosamente celeste.Merecido,título ganho na raça e no futebol,comemorado como deve ser.Talvez nem mesmo a Argentina,com um longo jejum de conquistas comemorasse tão bem,imagina o Brasil.


Um título que marca de forma gloriosa o excelente,paciente e cuidadoso trabalho de Oscar Tabarez,que assumiu a seleção há 5 anos,levando-a a Copa de 2010,onde fez excelente campanha,ao título da Copa América desse ano e a uma reconstrução do futebol uruguaio.Talvez ele não seja o único responsável,mas com certeza é um dos prinicipais.Além do que eu já citei,o Uruguai foi vice campeão-mundial sub-17 e tem o vice campeão da Libertadores,o Peñarol.

Mas a final,obviamente,se decidiu no campo.E lá outra figura importante ressurgiu.Forlan,reserva a temporada inteira no Atlético de Madrid,que muitos diziam só ter tido sorte na Copa do Mundo,mostrou o  porquê de ter sido eleito o melhor do último Mundial.Mostrou porque é craque,goleador e juntamente com Luis Suarez,outra estrela uruguaia,marcou os gols da vitória.

Outros personagens como Lugano,um leão na defesa,Arévalo que marcou até Messi e o camera-man Loco Abreu coroam esse título.

Importantíssimo para o país,que agora comemora feliz e pode dizer: "Somos os maiores da América". 

Nenhum comentário:

Postar um comentário